Três paraplégicos voltam a andar graças a técnica inovadora aplicada na coluna vertebral

Uma equipa de investigadores na Suíça conseguiu fazer andar três paraplégicos utilizando implantes eletrónicos na coluna vertebral. A técnica inovadora foi utilizada em ratazanas, em 2014, depois em macacos, em 2016, e agora chega aos humanos. A equipa, liderada pelo neurocirurgião Grégoire Courtine, da Escola Politécnica Federal de Lausana, e por uma neurocirurgiã do hospital universitário da mesma cidade, implantaram elétrodos na zona lombar da espinhal medula dos pacientes.
Os três pacientes recuperaram o controlo voluntário dos músculos das pernas, inclusivamente sem estimulação elétrica. Este processo foi conjugado com uma reabilitação rigorosa durante cerca de 5 meses e permitiu que os doentes começassem a caminhar de novo, ainda que com ajuda de muletas ou andarilhos.
“Este novo estudo é importante porque confirma que as pessoas com lesão crónica da espinal medula têm a capacidade de recuperar ao voltar a treinar os circuitos da coluna vertebral. Nesse sentido, utilizámos um enfoque um pouco diferente”, afirma Courtine. Ainda assim, “precisamos de mais investigações e ensaios clínicos para saber que tipo de estimulação e tratamentos são necessários para obter os melhores resultados”, sublinha.

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

Contacte-nos
close slider

    Scroll to Top